São Paulo e Cruzeiro decidem vaga para as quartas de final da Copa SP

São Paulo e Cruzeiro decidem vaga para as quartas de final da Copa SP

Atlético-PR encara Santos em jogo de muito equilíbrio; Internacional é franco favorito 

A Copa São Paulo de Futebol Júnior entrou na fase de playoffs e os 16 clubes que ainda sonham com a taça começam os confrontos da oitavas-de-finais nesta segunda-feira. Às 15h (horário de Brasília), em Osvaldo Cruz, o Internacional de Porto Alegre encara a Desportiva Paraense em um embate com amplo favoritismo dos gaúchos, segundo as nossas cotas. Em Indaiatuba, Londrina e Vitória medem força às 16h. Os baianos são levemente favoritos e tudo indica que será um jogo bastante equilibrado, assim como Atlético-PR e Santos, que entram em campo às 17h30, na cidade de Franca. Com uma margem considerável de favoritismo, tendo sua vitória rendendo R$1,44 contra R$5,50 do adversário e R$4,00 para o empate, o São Paulo busca a vaga às quarta-de-finais em um clássico nacional, diante do Cruzeiro.

Na terça-feira é a vez de Vasco e Palmeiras abrirem o dia, às 15h, no Joaquinzão. Jogando no Canindé, a Portuguesa encara o Goiás às 16h, e sonha com o avanço no torneio. Às 17h é a vez do desfalcado Flamengo, mais uma vez em Barueri (o clube jogou todos os jogos na cidade), bater de frente com o Audax-SP. Na Fonte Luminosa, às 19h15, o Corinthians tenta superar o Avaí em mais um jogo que tende a ser equilibrado. Todos os jogos desse dia não possuem cotas por enquanto, mas você pode ficar por dentro de tudo relacionado a futebol clicando aqui e acompanhando nossas indicações. Confira nossa análise dos jogos da Copa São Paulo de Futebol Júnior!

Internacional x Desportiva Paraense

O Colorado passou pela fase de grupos com maestria, somando três vitórias em três jogos, com destaque para a goleada por 6×1 diante do Osvaldo Cruz. Na segunda fase, contra o XV de Jaú, depois do empate de 1×1 no tempo normal, a estrela do goleiro Carlos Miguel brilhou e os gaúchos avançaram depois do arqueiro de 2,02m pegar dois pênaltis. Neste sábado, no entanto, a equipe passou com tranquilidade pelo Boavista depois de golear por 5×1, conquistando a vaga nas oitavas-de-finais.

A Desportiva Paraense somou seis pontos na fase de grupos e avançou pela segunda fase aos trancos e barrancos ao empatar com o Marília por 2×2 no tempo normal, vencendo na decisão por pênaltis. Na terceira fase, a Penapolense não conseguiu superar o clube paraense e perdeu por 1×0. O futebol apresentado pela equipe não tem feito os olhos brilharem. É um time com muita vontade e aplicada taticamente, mas falta aquela qualidade a mais. No Inter, por exemplo, existem pelo menos cinco bons jogadores que mrecem destaque (além do goleiro, já mencionado): Richard, Brenner, Juliano, William e Bruno Fuchs.

Vitória do clube gaúcho rende R$1,40, enquanto que o empate está com cotação de R$4,33 e vitória da Desportiva fica com R$6,00. Nossas cotas indicam aquilo que também penso: o Inter é franco favorito. Até acho que a Desportiva vai conseguir se armar em campo e resistir à pressão por algum tempo, porém, a nítida vantagem técnica do Colorado deve fazer a diferença no fim das contas. Esse é meu palpite.

Londrina x Vitória

Este jogo tende a ser de muito equilíbrio. O histórico de revelações oriundas do Vitória dá ao clube baiano a alcunha de um dos maiores formadores do país. Não é raro surgirem alguns ótimos talentos do clube rubro-negro de Salvador. O grande destaque do time comandado pelo técnico João Burse é o atacante Luan. Com muita força física, um espírito voluntarioso e velocidade, o atleta leva bastante perigo às defesas adversárias, incomodando-as o tempo inteiro.

Após uma primeira fase impecável com três vitórias em três jogos, o Londrina passou por dificuldades nas fases que se sucederam. Miullen é uma arma poderosa da equipe, pois é acionado o tempo inteiro dentro do esquema tático de contra-ataque. Forte e astuto, o atleta é para o clube paranaense o que Luan é para a equipe baiana.

O triunfo do Vitória está rendendo R$1,83, contra R$3,25 do Londrina e R$3,80 em caso de empate. Apesar das cotas indicarem favoritismo do rubro-negro baiano, considero este jogo uma boa oportunidade de zebra. As equipes são bem parecidas, com leve vantagem do Vitória, nada que seja possível afirmarmos um placar. Para quem está disposto a se arriscar, indico investir no Londrina.

Atlético-PR x Santos

Confronto de muito equilíbrio, ambas as equipes passarem com tranquilidade pela fase de grupos, sendo que o Santos teve 100% de aproveitamento. No entanto, na segunda fase, as coisas ficaram complicas para os times, que só foram confirmar a ida à 3ª fase na disputa de pênaltis. Na fase seguinte, passaram com tranquilidade, e agora medem forças nesta segunda-feira.

É desnecessário falarmos da qualidade da base do Santos, um dos clubes que mais revelaram atletas no Brasil. Neste ano, o “experiente” volante Guilherme foi titular da seleção brasileira sub-17, que disputou o mundial da categoria em 2015. Além dele, Calabrés também tem destaque no time, mas cabe dizer que muitos jogadores com idade para disputar o torneio já fazem parte do profissional e, claro, são desfalques.

Time com bastante volume de jogo, o Atlético-PR promete levar muitas dificuldades ao Santos por meio da dupla Bruno Leite e Marcelo. Os paranaenses possuem uma boa equipe e têm muita organização em campo. Apesar de ter uma categoria de base de excelência, o Furacão sonha com seu primeiro troféu da competição.

O equilíbrio técnico e tático ao qual me refiro também se traduz nas cotas, que hoje estão indicando R$2,60 para o Furacão, R$2,20 para os Meninos da Vila e R$3,60 para o empate. A verdade é que qualquer resultado desse confronto pode ser considerado normal. Não existe favorito, tampouco um candidato à zebra. Particularmente, vejo mais consistência na equipe da baixada santista e por isso acredito que sairão vencedores.

São Paulo x Cruzeiro

Tricampeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior, o tricolor paulista é franco favorito, segundo as nossas cotas, diante do Cruzeiro, que não levanta o caneco do torneio desde 2007, quando se sagrou campeão pela primeira vez. Neste clássico nacional, onde duas camisas de peso se enfrentam e existe qualidade nas duas equipes, o que explica o franco favoritismo do São Paulo é muito mais o fato da Raposa ter chegado às oitavas-de-finais aos trancos e barrancos com duas disputas de penalidade máxima.

O treinador do São Paulo, André Jardine, é tricampeão da Copa RS sub-20, e tem na figura do meia Antony o seu grande destaque. Canhoto, habilidoso e driblador, o jovem de 17 anos é titular absoluto da equipe e é acionado o tempo inteiro. O atacante Toró também se destaca e vem fazendo a diferença. Taticamente, é um time muito bem definido e surge como um dos favoritos ao título.

No Cruzeiro, Vitinho é o cara a ser marcado. Versátil, o jovem transita com qualidade em mais de duas funções dentro do campo. Ele é candidato a uma das vagas à seleção brasileira sub-20 e já tem uma Copa SP na bagagem, já que atuou na temporada passada e obteve destaque. O goleiro Brazão também merece reconhecimento.

Apesar das cotas indicarem ampla vantagem do Tricolor do Morumbi, eu não credito que o jogo será fácil. Esse é o primeiro grande desafio do São Paulo e isso precisa ser levado em consideração. Além disso, é um clássico e tudo pode acontecer, ainda mais por se tratar de jogo único. Brazão, o goleiro do clube mineiro, é muito bom e costuma fechar as traves. O contra-ataque cruzeirense pode ser o caminho das pedras. Acredito que a partida será de muito equilíbrio, com o São Paulo tendo mais volume de jogo e ditando o ritmo da partida, mas com o Cruzeiro aproveitando bem os espaços do campo. Particularmente, penso que essa é uma excelente chance para os apostadores mais ousados, pois as cotas estão favoráveis ao risco se analisarmos friamente o contexto, uma vez que não é nada impossível o Cruzeiro ganhar. Meu palpite é de vitória da Raposa.

Oitavas-de-finais

Segunda-feira (15 de janeiro)

15h – (R$1,40) Internacional x Desportiva Paraense (R$6,00) – Empate: R$4,33; Palpite: vitória do Internacional

16h – (R$3,25) Londrina x Vitória (R$1,83) – Empate: R$3,80; Palpite: vitória do Londrina

17h30 – (R$2,60) Atlético-PR x Santos (R$2,20) – Empate: R$3,60; Palpite: vitória do Santos

20h – (R$1,44) São Paulo x Cruzeiro (R$5,50) – Empate: R$4,00; Palpite: vitória do Cruzeiro

Terça-feira (16 de janeiro)

15h – Vasco x Palmeiras; Palpite: vitória do Palmeiras

16h – Goiás x Portuguesa; Palpite: vitória do Goiás

17h – Flamengo x Audax-SP; Palpite: vitória do Flamengo

19h15 – Corinthians x Avaí; Palpite: vitória do Corinthians